O Mercedes-Benz Classe B pode ser considerado um caçula da montadora, no mercado automobilístico. A primeira versão do carro foi apresentada e lançada oficialmente na última edição do Salão de Frankfurt, que aconteceu no ano passado. Mas segundo as informações que foram divulgadas pela montadora, parece realmente que o carro teve uma boa aceitação do público consumidor e do mercado de um modo geral. E agora a montadora já está anunciando um novo modelo do s eu Classe B com lançamento previsto para diversos mercados consumidores, incluindo o mercado brasileiro. E o carro já chega trazendo algumas novidades interessantes para os consumidores.

Na ocasião do lançamento deste novo modelo da montadora Alemã, alguns dos dirigentes da empresa disseram que o grande desafio da marca seria realmente levar todo o luxo que se espera de qualquer carro da Mercedes-Benz para um modelo considerado de entrada de mercado, ou seja, com preços mais baixos do que o que é normalmente praticado por grande parte dos carros desta montadora. E este é um desafio e tanto, porque a Mercedes-Benz é uma das marcas mais valorizadas do mercado justamente por conta do requinte dos seus veículos, e todos sabemos que requinte e bom gosto custam caro. Portanto, além de ser um grande desafio, o Classe B representava acima de tudo um grande risco, mas um risco necessário para a montadora que precisa se adaptar aos novos tempos.

Novo Mercedes-Benz Classe B

Preços e modelos

Versatilidade é a palavra chave do novo Mercedes-Benz Classe B. O carro é um hatch, e portanto já causa uma certa estranheza ter a marca da montadora alemã em um carro que não tenha o formato sedã, que realmente trat-se da grande maioria dos carros. Mas esta versatilidade realmente funciona muito bem neste novo modelo do Classe B. Pode realmente ser a chance de muitas pessoas realizarem um sonho de consumo de conseguirem ter um carro da Mercedes-Benz.

Segundo as informações que estão sendo divulgadas pela marca na ocasião do seu mais recente lançamento do Classe B vão chegar ao consumidor em duas configurações diferenciadas. As versões que poderão ser encontradas deste veículo são B200 e B200 Sport, sendo que cada uma custa respectivamente R$ 115.900 e R$ 129.900. O preço pode ser considerado bastante interessante. Antes de mais nada, apesar de ser um compacto, o consumidor nunca deve esquecer que trata-se de um Mercedez-Benz. Portanto, mesmo que ele seja mais caro do que outros concorrentes do mesmo segmento, o preço da marca acaba pesando mais nesta situação.

Além disso, a lista de opcionais que estão sendo lançados como de serie para o carro é bastante compatível com o preço que está sendo cobrado. De série, leva ar-condicionado, bancos em tecido com regulagens manuais, direção com assistência variável, sete airbags, ABS com EBD, controle de tração, lanternas traseiras com LED, sistema de som Premium, volante multifuncional e rodas de 16 polegadas. Portanto, realmente é um excelente pacote para um compacto e acaba deixando um pouco mais palatável o alto preço do veículo.

O pacote de itens opcionais que acompanham a versão top de linha saindo da fábrica também é bastante interessante: detalhes cromados, rodas de 18 polegadas, discos de freio dianteiros perfurados, faróis bixenônio, ponteira dupla de escape, difusor de ar traseiro, bancos em couro, relação variável de esterço - mecanismo que altera a quantidade de voltas no volante necessárias para virar o carro - e o Active Park Assist, sistema que mede a vaga e pode estacionar e retirar o carro do espaço sozinho com o motorista apenas controlando o acelerador e o freio.

Galeria

  • Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 1
    Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 1
  • Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 2
    Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 2
  • Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 3
    Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 3
  • Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 4
    Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 4
  • Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 5
    Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 5
  • Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 6
    Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 6
  • Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 7
    Novo Mercedez-Benz Classe B - Foto 7

Design e acabamento interno

Como este novo modelo é muito recente, já que sua primeira versão foi apresentada no ano passado, poucas mudanças foram implementadas nesta nova verão do Classe B. Isso porque o design do carro, na ocasião do lançamento do ano passado, já causou um certo espanto para o mercado que não estava esperando pelo lançamento de um compacto com a marca da montadora alemã. Portanto, uma nova mudança mas radical no design exterior do veículo poderia causar uma certa estranheza para as pessoas, que poderiam passar a rejeitar o carro pelas constantes mudanças.

Segundo as especificações técnicas do novo lançamento do Classe B, ele tem 4,35 m de comprimento, 1,78 m de largura e 1,55 m de altura. O acabamento interno do veículo, que já era uma atração a parte na primeira versão do carro lançada ano passado, continua sendo um grande carro chefe. Ao entrar dentro do compacto a sensação é que as pessoas realmente estão dentro dos modelos mais tradicionais da Mercedes-Benz, devido a quantidade de detalhes e especialmente pela bela mistura entre elementos clássicos e modernos, que ficaram ainda mais evidentes nesta nova versão do Classe B.

As novas funcionalidades também são destaques por ser bastante acessíveis e elevar a experiência de dirigir o carro para algo realmente muito interessante. O painel de instrumentos tem leitura fácil, o volante multifuncional tem três raios e os bancos são revestidos em couro. Ganham destaque os detalhes cromados, as saídas de ar inspiradas no superesportivo SLS AMG e a ampla tela do sistema de entretenimento, com serviço de navegação.

Interior - Mercedes Classe B

Produção no Brasil?

Uma informação interessante sobre os veículos da Mercedes-Benz é que eles poderão voltar a ser fabricados no Brasil, e um dos primeiros modelos que marcariam este retorno ao mercado nacional interno seria justamente o Classe B. A Mercedes encerrou a fabricação de automóveis por aqui em 2010, sendo que atualmente a fábrica manteve apenas a montagem de caminhões e ônibus no país, nas plantas de São Bernardo do Campo (SP) e Juiz de Fora (MG). Ela chegou a fabricar alguns modelos de carros do fim da década de 90 até poucos anos atrás, em Juiz de Fora.

Segundo recentes afirmações de diretores da marca, o Brasil está novamente no plano de montagem de automóveis da marca e que poderia existir uma parceria com a Nissan para que o Classe B seja fabricado aqui usando a estrutura da montadora japonesa no Rio de Janeiro.