Ford Corcel a venda

Ford Corcel II Sedan 1.6
  • 1985/1985 •
  • 173.454 km
  • • Bege
R$ 3.000
Adauri
Cascavel (PR)
Ford Corcel II Sedan LDO 1.6
  • 1983/1983 •
  • 148.342 km
  • • Bege
R$ 12.000
Antonio
Ituporanga (SC)
Ford Corcel I
  • 1970/1970 •
  • 130 km
  • • Verde
R$ 55.000
Gerson
São Paulo (SP)
Ford Corcel II Belina GL
  • 1981/1981 •
  • 1.234.323 km
  • • Bege
R$ 2.200
Eduardo
Pindorama (SP)
Ford Corcel I
  • 1974/1974 •
  • 18.753 km
  • • Vermelho
R$ 25.000
Daniel
Matozinhos (MG)
Ford Corcel I
  • 1974/1974 •
  • 100 km
  • • Amarelo
R$ 25.000
Valdivino
Piracanjuba (GO)
Ford Corcel I Sedan 1.4
  • 1979/1979 •
  • 150.000 km
  • • Bege
R$ 4.500
Amanda
São José dos Campos (SP)
Ford Corcel II Sedan L 1.6
  • 1979/1979 •
  • 721.395 km
  • • Prata
R$ 5.200
Anderson
Irati (PR)
Ford Corcel I
  • 1981/1981 •
  • 450.000 km
  • • Cinza
R$ 1.500
Felipe
Campinas (SP)
Ford Corcel II Sedan L 1.6
  • 1979/1980 •
  • 100.000 km
  • • Branco
R$ 15.000
Claudete
São Paulo (SP)

Ford Corcel novo ou usado

O Corcel foi um modelo de carro produzido pela Ford e que acabou se tornando icônico pela grande quantidade de outros carros que acabaram sendo criados a partir da sua estrutura. O modelo estreou oficialmente no ano de 1968, e teve a sua produção oficialmente encerada no ano de 1986. Mas o modelo acabou espalhando o seu DNA para uma série de outros projetos.

O desenvolvimento do projeto inicial do Corcel começou a partir do momento que a Ford comprou e tomou conta do controle acionário da Willys Overland do Brasil. A mudança para a empresa de fabricação de carros nacional aconteceu no ano de 1967. Com isso também foi adquirido um projeto que já estava em andamento, adquirido em parceria com a Renault, e que foi denominado de Projeto M.

Este projeto embrionário acabou dando origem ao carro chamado de Renault 12 na França. Mas no Brasil ele foi batizado como Corcel, uma vez que existiam algumas diferenças significativas entre ambos os carros. Quando o modelo foi lançado no Brasil, ele chegou ao mercado sendo um sedan de 4 portas. Posteriormente foi lançado uma versão coupé do Corcel, que começou a ser vendida em 1969.

Para a época, diversos elementos chamavam a atenção dos consumidores que recebiam o Corcel, especialmente em relação ao design, que trazia ares de modernidade. O acabamento do modelo também era considerado acima da média, deixando o carro com um aspecto mais “luxuoso”. Outro ponto que era bastante elogiado no lançamento do Corcel era o seu excelente espaço interno.

Corcel GT

Um dos primeiros derivados de sucesso do Corcel que foi lançado no Brasil se chamava Corcel GT. A ideia principal era conseguir oferecer um carro dentro da família do Corcel que conseguisse se aproximar mais daqueles consumidores que buscam ares de esportividade. Dentre as diferenças apresentadas pelo carro em relação ao seu design estava teto revestido em vinil e uma faixa no centro do capô e uma na lateral.

Já em relação ao motor disponibilizado no Corcel GT a Ford colocou um propulsor 1.3 de quatro cilindros com carburador Solex de corpo duplo. O carro ganhou novos coletores de admissão e escape que elevavam a potência do motor de 68 para 80 cv, o que representava um aumento de 12 cv.

Outros derivados do Corcel que foram lançados e que também ficaram famosos foram Corcel Bino, Corcel GTXP, dentre outros.

Ordenar resultados

Acesse sua conta

Vá mais rápido usando sua rede social favorita:

    Usar o Google+


Ou acesse com seu e-mail:


Não tem cadastro? Crie uma Conta gratuitamente


Lojistas e Concessionários, acesse Central do Revendedor