O Salão de Detroit, o primeiro grande evento do segmento automotivo do ano, já começou movimentado. Por enquanto temos apenas os dias que são reservados para imprensa, onde o público ainda não pode conferir as máquinas de perto mas os jornalistas acabam tendo mais liberdade para conversar com os profissionais de cada marca que está mostrando suas novidades no evento e também mostrar com mais detalhes e tranquilidade as novidades do setor.

Volkswagen mostra o seu CrossBlue em Detroit

E uma das montadoras que acabou sendo mais procurada neste início de evento acabou sendo a Volkswagen, com diversas atrativos no seu estande e que também está apostando em algumas novidades relacionadas a segmento de híbridos. O carro que mais chamou atenção e que foi o centro das atenções da primeira coletiva de imprensa organizada dentro do evento feito pela montadora alemã foi para mostrar o mais recente carro conceito chamado de CrossBlue. O conceito dá pistas do que está por vir da montadora no campo de SUVs, que deve ser uma das grandes apostas da Volks nos próximos meses.

Além de mostrar que a montador está atenta ao segmento de carros que estão sendo feitos para atender a família, a montadora também aproveita para mostras projetos novos relacionados a tecnologia que está sendo desenvolvida nos motores híbridos. Existe uma preocupação também mais crescente das montadoras de fornecer subsídios necessários para que o segmento de carros elétricos cresça no mundo todo. Mas é claro que o esforço ainda demanda muita tecnologia por parte das montadoras para conseguir baratear os sistemas de motores elétricos, e também muito investimento de parte dos administradores públicos para deixar as cidades prontas para receber este tipo de veículo.

Talvez a solução neste primeiro momento realmente seja uma solução integrada e hibrida, com o carro rodando tanto pelo motor movido a combustível, seja a diesel ou a gasolina, e também com um motor elétrico que complementa as possibilidades. Assim, o motorista não vai ficar na mão caso o motor elétrico fique sem bateria e ele não tenha um posto de recarga por perto, já que poderá rodar também com o motor movido a combustível. Mas o curioso também do projeto CrossBlue que foi apresentado é justamente uma alternativa de carro elétrico focado para mais pessoas, já que grande parte dos modelos deste segmento ainda são esportivos convencionais.

Pais de família

Percebe-se pelos traços do carro que ele realmente foi feito pensando nos pais de famílias maiores e que estão preocupados em fazerem parte deste movimento em prol da natureza dos carros elétricos. O design deste SUVs pode ser considerado bem masculinizado, até demais se comparado aos lançamentos mais recentes da Volkswagen, mas como estamos falando de um carro conceito ainda não sabemos como ele realmente será feito quando iniciar a produção para o mercado tradicional. O carro traz seis lugares tanto para as pessoas menores mas também para pessoas maiores, já que o espaço interno do veículo é muito bom.

Conseguiu assim ser criado um impacto visual no carro muito interessante. Não tem como passar impune ao modelo, ainda mais se ele for lançada realmente com esta cor azul brilhante que foi utilizada no carro conceito que está sendo exposto no Salão de Detroit. O carro realmente ficou muito bonito e interessante. As linhas mais duras do lado de fora se transformam em sofisticação no lado de dentro, mas sem esquecer de ser um carro realmente utilitário, já que foi feito para famílias maiores. 

Como o carro combina motor e impacto visual de um SUV com o espaço de uma minivan, ele acaba tendo suas manobras bem mais simplificadas. Além disso a montadora declarou que investiu em um sistema próprio par ao veículo afim de controlar a sua estabilidade nas pistas. O carro conceito ainda está equipado com outros dispositivos que ajudam neste sistema de segurança mais sofisticado, como tração nas quatro rodas e também até 12 airbags.

Em termos de tamanho, de acordo com as informações que estavam sendo divulgadas durante o evento, ele tem, exatamente, 4,98 m de comprimento, 2 m de largura e 1,73 m de altura. Como a própria Volkswagen afirma, o carro é bem masculino, o que é reforçado pelas rodas de liga leve e os vincos predominantes na carroceria. Na parte dianteira, destaque para o design em 3D dos faróis.

Evolução

A Volkswagen ainda tem alguns detalhes a mais relacionados a evolução para se chegar a este modelo conceito. O conceito que estava sendo apresentado no Salão trata-se na verdade de uma evolução de outro protótipo que foi criado pela montadora, o Cross Coupé, e teria nascido da necessidade que a montadora identificou de se ter um SUV médio no portfólio norte-americano. Isso porque o carro foi desenvolvido totalmente na Alemanha mas com a colaboração da equipe da Volks dos Estados Unidos.

Mas a grande menina dos olhos da montadora quando o assunto é CrossBlue é realmente o novíssimo sistema híbrido que apresenta um motor a diesel TDI Clean Diesel, mais dois motores elétricos e transmissão de dupla embreagem. O consumo estimado do carro, de acordo com as informações da Volks, em ciclo misto na cidade-estrada pode chegar até 37, Km/l. Quando o carro está operando apenas no motor a diesel ele pode rodar até 18,8Km/l.  Já com apenas os motores elétricos em funcionamento a autonomia da bateria é de até 33 quilômetros.