As maiores montadoras de automóveis do mundo não lançam nada antes que se faça uma extensa pesquisa de mercado junto aos consumidores. Muitos projetos que nascem simplesmente morrem quando os resultados destas pesquisas apontam que o carro não fará o sucesso esperado, e que poderá trazer prejuízos para a empresa. Por outro lado, muitos lançamentos que ganham sinais verde baseados nos resultado positivos e favoráveis destas mesmas pesquisas as vezes decepcionam. Isso porque, por mais que as técnicas mais avançadas permitam que os resultados das pesquisas realmente se aproximem do comportamento do consumidor, nunca é possível prever realmente o que vai acontecer.

E cada vez mais as montadoras estão deixando isso bem claro para os consumidores e para o mercado de um modo geral. É cada vez mais comum vermos empresas assumindo que realmente um projeto deu errado, por estes ou por aqueles motivos, ao invés de tentar esconder do consumidor o que realmente está acontecendo. Foi o que a Audi fez recentemente com um grande projeto que simplesmente acabou não trazendo os resultados que eram esperados pela companhia. Durante a apresentação do Audi A1 Sportback, os dirigentes da montadora disseram que o lançamento estava sendo feito para tentar corrigir alguns problemas que aconteceram com a versão anterior do veículo.

Audi A1 Sportback

Uma das primeiras frases que foram ditas durante a apresentação oficial do novo carro da Audi, um dos diretores assumiu dizendo que a empresa tinha perdido muitos clientes pelo fato que o seu modelo A1 tinha apenas duas portas. Ou seja, por mais que existam diversas pesquisas de tendência que apontem que os consumidores estão cada vez mais dando importância aos carros menores em alguns segmentos, esta foi uma característica que acabou prejudicando o veículo na hora das vendas, segundo analise feita pela própria montadora. E agora o Sportback está chegando com o principal objetivo de tentar reconquistar estes clientes.

Compacto com quatro portas

Portanto, a principal estrela realmente da noite de apresentação oficial deste novo modelo para imprensa foram as duas portas que foram colocadas na parte de trás do carro, deixando ele como finalmente um compacto com quatro portas. E segundo as projeções que estão sendo feitas pela montadora, o fato do carro ter apenas duas portas a mais vai representar um aumento significativo das vendas do A1. O modelo anterior ficou na média de 100 carros por mês sendo vendido, mas agora com o novo modelo a expectativa é que passem para 180 carros vendidos mensalmente, o que será 75% a mais na média esperada para o ano, segundo a fabricante. Realmente são números impressionantes para apenas duas portas a mais no carro.

Audi A1 Sportback

O carro estará sendo oferecido ao consumidor com duas configurações distintas, sendo que as duas estão confirmadas para comercialização aqui no Brasil, o que mostra que a Audi também está apostando nos mercados emergentes para aumentar a média de venda do seu compacto. A configuração mais simples chegará aos consumidores com motor 1.4 turbo de 122 cv e 20 kgfm de torque, e vai custar R$ 94.900,00.

A configuração mais cara do novo compacto vai ser lançada com compressor Roots no motor - nesta versão, são 185 cv e 25 kgfm de torque a sorrateiros 2.000 giros, e será comercializada pelo preço de R$ 114.900,00. E para aqueles poucos consumidores que ainda preferem o modelo de duas portas, ele também será vendido, mas ainda não se sabe se esta nova versão será chegará aos consumidores brasileiros.

Galeria

  • Audi A1 Sportback - Foto 1
    Audi A1 Sportback - Foto 1
  • Audi A1 Sportback - Foto 2
    Audi A1 Sportback - Foto 2
  • Audi A1 Sportback - Foto 3
    Audi A1 Sportback - Foto 3
  • Audi A1 Sportback - Foto 4
    Audi A1 Sportback - Foto 4
  • Audi A1 Sportback - Foto 5
    Audi A1 Sportback - Foto 5
  • Audi A1 Sportback - Foto 6
    Audi A1 Sportback - Foto 6
  • Audi A1 Sportback - Foto 7
    Audi A1 Sportback - Foto 7

Outros destaques

Logicamente não serão apenas portas que estão separando a versão atual da versão do ano passado do compacto, apesar de que realmente o foco esteja sendo dado para esta configuração. O carro também teve algumas outras modificações, mas que acabaram ficando sem grande importância na apresentação do novo modelo para imprensa. Além das portas, o carro também ganhou um significativo aumento no bagageiro. Mas é claro que também uma das grandes responsáveis por este aumento na parte de três foi justamente para serem instaladas as duas portas do carro (parece que neste modelo tudo gira em torno destas duas portas).

Para dar mais espaço as portas da frente também acabaram sendo diminuídas, isso porque o carro precisava ainda manter determinadas proporções para continuar sendo vendido como um compacto. O teto também do veículo também acabou ganhando uma leve reforma.

Em termos de desempenho e modificações técnicas, a Audi fez questão se salientar que este novo modelo está uma pitadinha mais esportiva do que o modelo anterior, tanto pelo seu design mas também pelo desempenho dos motores que foram melhorados, mas em termos resultados práticos, segundo alguns testes que foram feitos, as mudanças foram poucas. Mesmo assim o carro apresenta um bom desempenho, e deve agradar principalmente aqueles motoristas que possuem o pé mais pesado que adoram acelerar principalmente nas pistas de alta velocidade. E uma das grandes vantagens do carro é que o bom desempenho acabou não interferindo diretamente na quantidade de gasolina que ele consome, permitindo que o carro realmente seja bastante econômico.

Interior - Audi A1 Sportback

Alguns probleminhas foram detectados apenas quando o motorista está fazendo curvas em uma determinada velocidade, percebendo que a carroceria acaba rolando um pouco, mas nada que chegue a assustar, já que este é um carro de tração dianteira que acaba tendo mais apelo urbano.

O carro está sendo lançado com um câmbio S-tronic de sete marchas e dupla embreagem, mas o motorista tem a opção ainda de escolher entre a alavanca ou por borboletas atrás do volante.