Depois de se tornar a “queridinha” do mundo dos smartphones, com uma legião de fãs, a gigante chinesa Xiaomi anunciou a sua entrada oficial no mercado automotivo. A empresa apresentou nesta semana o seu primeiro carro, batizado de Bestune T77.

Xiaomi apresenta seu primeiro automóvel

Como não poderia ser diferente, a empresa apostou naquele segmento que mais vende carros atualmente no mundo inteiro, os SUVs. De acordo com as informações que foram divulgadas pela empresa, o carro foi criado em parceria com a FAW, a fabricante que atualmente é a mais antiga em operação na China e que possui parceria com outras grandes marcas, como Volkswagen e Toyota.

Estilo Xiaomi

O modelo conta com medidas que tornam ele um pouco maior do que o Jeep Compass, que acabou se tornando praticamente uma referência no setor. O modelo conta com  4,53 metros de comprimento, 2,70 m de entre-eixos e 1,85 m de largura.

Em termos de configuração mecânica, o carro conta com um motor 1.2 turbo de 143 cavalos e 20,8 kgfm. Na versão básica, o câmbio é manual de 6 marchas. Nas demais, o modelo recebe uma transmissão de dupla embreagem e 7 marchas.

  • Xiaomi lança seu primeiro automóvel - Foto 1
    Xiaomi lança seu primeiro automóvel - Foto 1
  • Xiaomi lança seu primeiro automóvel - Foto 2
    Xiaomi lança seu primeiro automóvel - Foto 2
  • Xiaomi lança seu primeiro automóvel - Foto 3
    Xiaomi lança seu primeiro automóvel - Foto 3

Dentre os itens de série que foram anunciados para o modelo estão faróis de LED, estacionamento autônomo, quadro de instrumentos digital e espelhamento de smartphone. Em segurança, há 6 airbags, controles de tração e estabilidade, alerta de colisão frontal, aviso de objeto em ponto cego e farol alto com facho automático.

Holograma

Um dos principais diferenciais do modelo foi anunciado como uma assistente virtual que vai acompanhar os motoristas ao longo das suas viagens. Diferentemente dos outros sistemas, essa assistente aparecerá como se fosse um holograma na parte superior do painel.

O recurso promete se comunicar com o usuário utilizando diversos recursos de Inteligência Artificial. Ele poderá avisar, por exemplo, quando o carro estiver com pouca gasolina e já indicar os melhores caminhos para os postos de abastecimento que estiverem mais próximos.

Preços

A Xiaomi sempre foi conhecida por oferecer gadgets por um preço mais em conta do que outras marcas. A ideia é tentar manter o conceito no mercado automobilístico. O carro deve custar entre 89,8 mil a 138,8 mil yuans, faixa equivalente a R$ 51,5 mil a R$ 77,8 mil.