Neste último dia útil da semana a Renault decidiu fazer a divulgação de mais uma novidade que será lançada este ano ainda. Traa-se do Captur, aquele que vai entrar para a história da montadora como sendo o primeiro crossover da marca. A montadora está apostando alto no modelo que terá fabricação na Espanha e que será vendido no Brasil. O lançamento do carro está marcado para acontecer em um dos eventos mais prestigiados do setor automobilístico, o Salão de Genebra, que acontece no mês de março.

Captur Crossover

A Renault já começou a divulgação do carro prometendo muitas coisas com o lançamento do Captur no mercado internacional. De acordo com a montadora, este será um crossover que via conseguir elevar o patamar de experiência em termos de direção neste segmento de carro. Isso porque a Renault afirma que os consumidores que optarem por este veículo estarão levando para casa um carro com o espaço interno característico de um monovolume, mas com a dirigibilidade de um carro hatch. Mas apesar de todo este entusiasmo e da divulgação destas novas informações, a montadora afirmou que não vai entrar em detalhes sobre a motorização do veículo até o evento de Genebra. A única informação que foi confirmada até o momento relacionada aos motores é em relação ao combustível: foram confirmadas versões movidas a diese se também movidas a gasolina.

Tendências no design

A Renault é uma das montadoras que mais tem apostado nos últimos tempos na padronização da sua marca. Mesmo criando diversos modelos de carros diferentes a cada ano, a montadora ainda demonstra uma grande preocupação em conseguir criar uma unidade visual para os seus carros, a ponto dos consumidores conseguirem identificar sempre um modelo da montadora apenas por alguns traços de curvas, tarefa nada fácil e nem sempre grata. E isso dá pra perceber que aparece de maneira muito marcante no design deste novo lançamento da montadora.

  • Captur Crossover - Foto 1
    Captur Crossover - Foto 1
  • Captur Crossover - Foto 2
    Captur Crossover - Foto 2
  • Captur Crossover - Foto 3
    Captur Crossover - Foto 3
  • Captur Crossover - Foto 4
    Captur Crossover - Foto 4
  • Captur Crossover - Foto 5
    Captur Crossover - Foto 5
  • Captur Crossover - Foto 6
    Captur Crossover - Foto 6
  • Captur Crossover - Foto 7
    Captur Crossover - Foto 7

Percebe-se, através das fotos que já foram divulgadas, que as linhas gerais do carro lembram muito as que foram lançadas na nova geração do Clio, que foi apresentada na última edição do Salão de Paris. Podemos perceber então que existe uma conversa das diferentes gerações de carros que estão sendo lançados ainda este ano. Esta unidade que está sendo criada pela montadora realmente continua muito presente nos lançamentos, mas no caso do Captur também existe um outro motivo pelas semelhanças que podem ser encontradas com o Clio. Isso porque os dois carros foram desenvolvidos com a mesma plataforma.

Ainda de acordo com as informações que acabaram sendo divulgadas pela montadora antes do lançamento oficial do carro é que ele terá um total de 4,12 metros de comprimento. E a montadora garante que realmente conseguiu trabalhar com todo este tamanho para oferecer não apenas um carro grande para os consumidores, mas também um carro com excelente espaço interno, maior do que qualquer outro modelo que já tenha sido lançado pela Renault. O Renault Captur é um crossover compacto sem agressividade, com um estilo prático bastante presente”, diz Benoît Bochard, Diretor da Gama de Produto - Segmentos A/B.

Diferenciais bacanas

Além de ter aquelas linhas gerais que podem ser encontradas também na segunda geração do Clio, o Captur não será apenas uma versão do modelo citado mais “espichada”. Ele realmente consegue apresentar alguns detalhes que se tornam o seu diferencial. Estes pequenos detalhes podem estão evidentes em determinadas partes do carro, como o para-brisa que foi feito em um modelo mais avançado e inclinado. Este modelo de frente para o carro também já havia surgido no carro conceito que foi mostrado pela montadora há algum tempo atrás.

“Seu tamanho compacto, a distância do solo elevada, as grandes rodas e proteções de soleira foram pensadas para explorar todas as facetas do cotidiano”, diz a Renault em nota. Com base no texto original que foi enviado pela montadora também podemos perceber que o carro realmente tem esta preocupação de estar presente no cotidiano das pessoas em todas as ocasiões. Com esta distancia do solo mais elevada, por exemplo, o carro também consegue superar caminhos que não sejam tão fáceis quanto os das cidades que ele vai circular. Além disso a montadora destacou também que o carro terá pintura original em dois tons e que vai novar ao permitir diferenciar o teto e as lareiras do resto da carroceria.

Itens de série

A montadora também já anunciou quais serão os itens de série que estarão presentes no Captur assim que ele for lançado. Dentre os recursos mais interessantes que foram anunciados no pacote estão cartão hands-free, auxílio de partida em ladeiras, câmera e sensor de estacionamento. Para a galera que gosta de estar sempre conectada com as novidades a montadora também vai incluir no carro o  enault R-Link, um tablet tátil multimídia integrado e conectado. Outro destaque na parte de dentro do carro deverá ficar com um novo sistema de som que foi instalado de 6HP, com Bluetooth e audio-streaming, sistema Arkamys, que reproduz um som de alta qualidade.

E apesar de não ter entrado em detalhes relacionados aos motores do carro, a Renault garantiu que ele terá a mais avançada tecnologia do sistema de redução de consumo da montadora, para deixar o carro ainda mais econômico e também para cuidar das emissões de CO2.

Confira o vídeo que foi divulgado em 2011 com imagens do carro conceito que acabou dando origem ao Captur que será lançado. Lembrando que nem todos os elementos presentes no vídeo estão no carro que está sendo produzido: