A Chevrolet revelou, em partes, o que pode se esperar do novo Chevrolet Prisma. As revelações foram feitas na carona do que já foi mostrado na China. Mas a montadora, por aqui, faz questão de salientar que o modelo que será vendido no Brasil não será exatamente igual ao que foi visto do outro lado do mundo.

Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo

E a primeira coisa que vai mudar é o nome. O Prisma vai passar a se chamar Onix Sedan, deixando de ser um compacto e passando a ter o tamanho equivalente ao de um Cobalt. Todas essas alterações fazem parte do projeto da montadora de tornar o carro global.

O novo Onix Sedan, que deve chegar por aqui até o final de julho, foi mostrado em imagens com camuflagem. Por isso, ainda não é possível saber com precisam quais serão os elementos diferentes que o modelo brasileiro terá em relação ao carro que já foi apresentado pela divisão da montadora na China.

O tamanho do carro deve ser o mesmo do modelo apresentado na China, uma vez que a plataforma será a mesma, chamada Global Emerging Markets (GEM). A base foi projetada em conjunto com a SAIC, parceira da General Motors no país asiático. Com isso, o entre-eixos deve saltar dos 2,52 para 2,60 metros.

  • Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 1
    Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 1
  • Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 2
    Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 2
  • Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 3
    Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 3
  • Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 4
    Novo Chevrolet Prisma terá motor inédito turbo - Foto 4

A montadora confirmou que os novos modelos vão adotar motores de três cilindros aspirados e em versão turbo flex. As potencias ainda não foram divulgadas pela montadora. Em relação as transmissões que serão disponibilizadas nos veículos, elas devem seguir as mesmas atuais, tanto nas opções manuais quanto automáticas.,

Este lançamento faz parte do plano de investimento de R$ 13 bilhões que foi anunciado pela GM em 2014 e que está terminando neste ano. A partir do ano que vem já estão confirmados investimentos que devem chegar a R$ 10 bilhões, que devem ser concentrados em São Paulo.