Nenhum resultado :(

Infelizmente não localizamos ofertas para sua busca.
Mas temos outros modelos de Hatches Compactos. Te interessa?

Outros modelos de Hatches Compactos

Infelizmente não localizamos anúncios com estes filtros. Exibindo ofertas da marca Chevrolet.
Renault Sandero Stepway 1.6 16V (flex)
  • 2013/2014 •
  • 50.300 km
  • • Preto
R$ 33.000
Ermiro
São Paulo (SP)
Ford Ka 1.0 SE Plus (Flex)
  • 2015/2015 •
  • 35.000 km
  • • Vermelho
R$ 35.000
Gustavo
Suzano (SP)
Volkswagen Gol 1.0 (G4) (Flex) 4p
  • 2011/2012 •
  • 122 km
  • • Cinza
R$ 18.000
Rogerio
Carapicuíba (SP)
Chevrolet Agile LTZ 1.4 8V (Flex)
  • 2011/2012 •
  • 97.000 km
  • • Preto
R$ 27.000
Patrícia
São Paulo (SP)
Chevrolet Celta LT 1.0 (Flex)
  • 2014/2015 •
  • 42 km
  • • Prata
R$ 26.900
Cascavel (PR)
Chevrolet Celta 1.0 VHC 2p
  • 2003/2004 •
  • 174.000 km
  • • Prata
R$ 10.500
Floreal
São Paulo (SP)
Volkswagen Gol 1.0 (G4) (Flex)
  • 2000/2000 •
  • 186 km
  • • Branco
R$ 9.000
Pamela
Adamantina (SP)
Volkswagen Gol 1.0 16V MI
  • 1998/1998 •
  • 176.245 km
  • • Branco
R$ 6.000
Tatiane
Capão da Canoa (RS)
Renault Sandero Authentique 1.6 8V Hi-Torque (flex)
  • 2013/2014 •
  • 44.272 km
  • • Cinza
R$ 29.000
Kelly
Foz do Iguaçu (PR)

Chevrolet Celta novo ou usado

O Chevrolet Celta começou a ser vendido no ano de 2000, marcando uma nova e ousada estratégia da montadora para o mercado brasileiro. A ideia era consolidar no Celta a imagem do carro mais barato do Brasil. Infelizmente a montadora acabou tendo dificuldades para conseguir deixar o modelo realmente mais barato do que alguns dos seus principais concorrentes.

Mesmo assim, o marketing feito de que esse caro conseguia oferecer uma relação custo-benefício superior a oferecida pelos concorrentes ajudou a tornar o modelo um dos mais vendidos do Brasil rapidamente. Nos primeiros quatro meses de vida o modelo conseguiu bater a marca das 21 mil unidades vendidas. No ano seguinte o Celta já conseguiu atingir um total de 90 mil emplacamentos.

Pouco desvalorizado

O Celta conseguiu seguir a sua trajetória de sucesso em relação as vendas. A partir do ano de 2002 o modelo conseguiu se sagrar no grupo dos carros que conseguiam vender mais de 100 mil unidades ao ano, sempre aparecendo entre os mais vendidos nos rankings mensais e anuais. No ano de 2003 as vendas cresceram ainda mais depois que a montadora decidiu lançar a versão 1.4 do modelo.

Um dos pontos que chamava atenção dos especialistas que tentavam entender o grande sucesso de um modelo tão novo como o Celta é o fato de que esse era um dos carros que menos desvalorizava com o passar do tempo, na época. A depreciação média do Celta em seu primeiro ano de uso ficava em 4,9%, abaixo dos seus principais concorrentes, como o Palio e o Gol, que apresentavam taxa de 5,4%.

Gerações e suas Versões

Diferentemente da maioria dos outros modelos de sucesso das montadoras, o Celta acabou ficando apenas na sua primeira geração. Mas isso não significa que o modelo não mudou com o passar dos anos. O carro teve o seu primeiro facelift no ano de 2006, tendo basicamente o Vectra como base.

O modelo teve uma segunda reestilização, que aconteceu no ano de 2012. Dentre as versões que mais fizeram sucesso do carro estavam a Life, que era a versão de entrada; a Spirit, que contava com alguns diferenciais no design; e a Super, que trazia rodas de 14 polegadas, iluminação diferenciada, dentre outros detalhes.

Fim

No mês de abril do ano de 2015 a Chevrolet confirmou oficialmente que o Celta deixaria de ser produzido. O objetivo da estratégia era dar espaço para o Onix.

Acesse sua conta

Vá mais rápido usando sua rede social favorita:

    Usar o Google+


Ou acesse com seu e-mail:


Não tem cadastro? Crie uma Conta gratuitamente


Lojistas e Concessionários, acesse Central do Revendedor