Essa resenha do Renault Sandero Authentique 1.0 foi feita com uma visão menos técnica e mais do usuário. Algo como mais emoção do que razão, afinal, eu nunca fui um curioso do universo dos carros. Mas é claro que, certa admiração por carros acabou despertando em mim após a aquisição do Sandero, que foi o primeiro automóvel que eu tive a oportunidade de comprar.

Estou com ele tem um pouco mais de 6 meses. Nesse período já rodei 10.000 quilômetros, 99% deles dentro da cidade. Na estrada, tive a oportunidade de rodar apenas uma vez, um trajeto curto entre Curitiba e Morretes (na serra do mar).

Renault Sandero Authentique 1.0

Interior e Exterior

Interior do Renault Sandero do Marcos LopesEu, particularmente, acho o exterior do Renault Sandero muito “invocado”. Gosto do design do carro, principalmente suas curvas. Já o interior consegue me agradar muito pelo espaço, o Sandero é muito confortável, seja para o motorista, ou seja para os passageiros.

O porta malas é imenso e impressiona como ele é capaz de suportar grandes quantidades. Porém, o acabamento é muito simples, superficial – realmente deixa a desejar se compararmos com modelos da mesma categoria.

Lembro que o meu Renault Sandero é o Authentique 1.0.

Desempenho e Consumo

Por se tratar de um carro 1.0 eu esperava muito mais do quesito economia. Pelas avaliações que fiz, o carro está fazendo 11.5 na gasolina e 8.5 no álcool (rodando na cidade). Conversando com alguns amigos que têm carros da mesma categoria, o Sandero não é nenhum exemplo de economia, porém, outros carros consumem muito mais.

O desempenho dele é satisfatório, levando em consideração as minhas necessidades e a forma como eu dirijo (sempre com cuidado e sem correr, afinal, estou com um filho de poucos meses, por isso, todo cuidado é necessário).

Prós do Renault Sandero

  • Espaço interno;
  • Custo x Benefício;
  • Estabilidade;
  • Freios confiáveis;
  • Porta Malas;
  • Garantia de 3 anos.

Renault Sandero - Traseira

Contras do Renault Sandero

  • Os vidros não levantam ao travar o carro;
  • Estepe fora do carro.

Considerações Finais

Eu recomendo a compra do carro. Sou honesto no ponto de não me considerar a pessoa mais exigente do mundo, porém, como já havia comentado, o custo x benefício do carro vale a muito a pena. A dica que dou é investir um pouco mais para levar o modelo Expression 1.6, pois é mais potente que a versão que eu tenho (talvez, o vendedor não acreditou no meu potencial de compra e não me ofereceu esse modelo).

Reforço que os pontos de vistas dessa resenha são de acordo com a minha experiência com o carro. Fique satisfeito ao ponto de desenvolver um site focado no Renault Sandero (www.renaultsandero.org).

  • Autor: Marcos Lopes Jr.
  • Cidade: Curitiba
  • Carro: Renault Sandero
  • Modelo: Authentique
  • Ano: 2012
  • Cor: Prata

Opinião e Fotos gentilmente enviadas pelo leitor Marcos Lopes Jr.