Chevrolet Monza a venda

Chevrolet Monza Sedan SLE 2.0
  • 1991/1991 •
  • 78.000 km
  • • Bege
R$ 7.000
Jose
São Paulo (SP)
Chevrolet Monza Sedan SLE 2.0
  • 1988/1989 •
  • 1 km
  • • Verde
R$ 6.000
Suzana
Barueri (SP)
Chevrolet Monza Sedan Class 2.0 EFi
  • 1991/1991 •
  • 603 km
  • • Vermelho
R$ 7.500
Vinicius
Curitiba (PR)
Chevrolet Monza Sedan GLS 2.0 MPFi
  • 1994/1995 •
  • 111.111 km
  • • Azul
R$ 7.400
Gilmar
Embu das Artes (SP)
Chevrolet Monza Sedan GLS 2.0 EFi
  • 1996/1996 •
  • 1 km
  • • Vermelho
R$ 7.000
João
Lajedo (PE)
Chevrolet Monza GL 2.0 EFI 8V
  • 1995/1995 •
  • Vermelho
R$ 9.990
Ribeirão Preto (SP)
Chevrolet Monza Sedan GLS 2.0 EFi
  • 1993/1994 •
  • 179.960 km
  • • Verde
R$ 12.000
Waldir
São Paulo (SP)
Chevrolet Monza Sedan GLS 2.0 EFi
  • 1994/1995 •
  • 68.730 km
  • • Branco
R$ 5.000
Edson
Santana do Livramento (RS)
Chevrolet Monza Sedan Classic SE 2.0 MPFi
  • 1994/1994 •
  • 650.000 km
  • • Azul
R$ 12.500
Noelcio
Osasco (SP)
Chevrolet Monza Sedan SLE 2.0
  • 1992/1993 •
  • 102.899 km
  • • Prata
R$ 8.000
Ricardo
São Paulo (SP)
Chevrolet Monza Sedan GL 2.0 EFi
  • 1989/1989 •
  • 102.000 km
  • • Azul
R$ 5.000
Edvaldo
Recife (PE)
Chevrolet Monza Sedan 1.8
  • 1994/1996 •
  • 85.000 km
  • • Cinza
R$ 2.000
Daniel
São Paulo (SP)

Chevrolet Monza novo ou usado

O Monza se tornou um dos modelos mais conhecidos fabricados pela Chevrolet. O carro foi produzido entre os anos de 1982 e 1996, sendo um derivado direto do Opel Ascona alemão. O modelo foi lançado primeiramente apenas na sua versão Hatchback 3 portas, sendo que este carro seguiu sendo fabricado até o ano de 1988.

Posteriormente o Monza acabou ganhando uma série de versões diferentes. Em 1996 o carro acabou tendo a sua produção oficialmente encerrada, terminando assim com um histórico de sucesso da montadora norte-americana.

Projeto J

O projeto que daria origem ao Monza começou a tomar corpo no final da década de 70. Inicialmente ele era denominado apenas como Projeto J. Para o seu desenvolvimento mecânico foi escolhida a mesma plataforma que era anteriormente utilizada para construção do Kadett C.

Mas a origem do carro também acaba sendo diretamente conectada com o Opel Ascona de terceira geração. A estreia oficial do modelo no Brasil aconteceria no ano de 1982, e um dos principais destaques ficava por conta do motor transversal e também da tração dianteira. O motor era 1.6 carburado, que oferecia ao condutor 72 cv de potência.

Já no ano seguinte a montadora lançava no mercado a versão sedan, com a tradicional carroceria com quatro portas. Este foi o modelo de quatro portas que mais rapidamente se popularizou no Brasil. O carro também ganhou um incremento em relação ao seu motor, passando a contar com a versão 1.8 de 86cv.

Mais vendido

O sucesso do Monza foi tamanho que logo nos seus anos de estreia o modelo conseguiu alcançar o topo do ranking de carros mais vendidos do Brasil. O modelo acabou se tornando o líder entre os anos de 1984 e 1986. Tudo isso fez com que a montadora fizesse uma grande festa no ano de 1985, ao comemorar a unidade de número 200 mil.

Posteriormente o Monza foi ganhando alguns acréscimos interessantes em relação a sua gama. No ano de 1985 a Chevrolet lançou a versão esportiva do carro, o Monza S/R, trazendo um motor mais potente e também algumas alterações na parte de dentro do carro.

Já no ano seguinte foi lançado o Monza Classic, versão que era chamada de luxo na época. O carro tinha pintura em duas tonalidades diferentes, rodas raiadas e os faróis de neblina. O motor era 1.8 com carburador duplo e 99 cv de potência.

Ordenar resultados

Acesse sua conta

Vá mais rápido usando sua rede social favorita:

    Usar o Google+


Ou acesse com seu e-mail:


Não tem cadastro? Crie uma Conta gratuitamente


Lojistas e Concessionários, acesse Central do Revendedor