Nissan Tiida a venda

Nissan Tiida SL 1.8 (aut)
  • 2010/2011 •
  • 75.000 km
  • • Prata
R$ 26.000
Sabrina
Sorocaba (SP)
Nissan Tiida S 1.8
  • 2009/2009 •
  • 81.000 km
  • • Preto
R$ 24.000
Vanderlei
Flores da Cunha (RS)
Nissan Tiida SL 1.8 (flex)
  • 2012/2013 •
  • 90.494 km
  • • Prata
R$ 33.800
Karine
Curitiba (PR)
Nissan Tiida S 1.8 (flex)
  • 2010/2011 •
  • 42.782 km
  • • Prata
R$ 21.000
Valdir
Recife (PE)
Nissan Tiida SL 1.8 (flex)
  • 2011/2012 •
  • 110 km
  • • Preto
R$ 27.000
Victor
São Paulo (SP)
Nissan Tiida S 1.8 (flex)
  • 2011/2012 •
  • 79.000 km
  • • Branco
R$ 27.000
Marileide
São Gonçalo (RJ)
Nissan Tiida SL 1.8 16V Flex
  • 2011/2012 •
  • 64.000 km
  • • Preto
R$ 30.990
São Paulo (SP)
Nissan Tiida S 1.8 (flex)
  • 2012/2013 •
  • 66.000 km
  • • Vermelho
R$ 27.500
Patrícia
Ribeirão Preto (SP)
Nissan Tiida S 1.8 (flex)
  • 2011/2012 •
  • 35.000 km
  • • Prata
R$ 25.500
Itamar
Belo Horizonte (MG)
Nissan Tiida SL 1.8 (flex)
  • 2010/2011 •
  • 132.000 km
  • • Prata
R$ 28.000
Viviane
Florianópolis (SC)
Nissan Tiida SL 1.8 (flex)
  • 2012/2013 •
  • 62.000 km
  • • Branco
R$ 28.500
Mario
Rio de Janeiro (RJ)
Nissan Tiida S 1.8
  • 2008/2008 •
  • 160.000 km
  • • Cinza
R$ 18.900
Augusto
Rio de Janeiro (RJ)

Nissan Tiida novo ou usado

O Tiida é um carro produzido e comercializado pela Nissan e que pode ser encontrado tanto na versão de carroceria hatch quanto também na carroceria sedan. O modelo começou a ser fabricado no ano de 2004, sendo que a montadora decidiu produzir o automóvel a partir das suas fábricas no Japão. Posteriormente o carro passou a ser montado em outros mercados, tais como Malásia, China e México.

No Brasil

O carro que foi lançado no Brasil era importado do México, dentro do acordo feito entre os países que permite com que as montadoras tenham uma determinada cota de importação sem que seja preciso pagar algumas das taxas aplicadas neste tipo de transação. O modelo era fabricado na unidade de Aguascalientes, considerada como uma das mais modernas da empresa no mundo inteiro.

O projeto do carro foi pensado a partir da sua plataforma derivada de outro modelo da empresa, o Clio III. Mas foram feitas uma série de alterações mecânicas no modelo para que ele fosse lançado com um uma nova marca, tais como o aumento considerável no entreixos. Isso fez com que o modelo conseguisse um aumento considerável no seu espaço interno.

Quando chegou ao Brasil o caro vinha em duas versões de acabamento: S e SL, ambas com opção de câmbio manual – a SL tem também a opção da versão automática de 4 marchas com função overdrive – e motor 1.8 16V a gasolina.

Fim da linha

O modelo acabou sendo removido oficialmente do portfólio de vendas da empresa no ano de 2013 no Brasil, sendo que o carro continuou sendo produzido e vendido em outros países onde a montadora conta com representação. Na ocasião o modelo foi retirado sem grande alarde, mas começou a ser removido dos canais de marketing da Nissan.

No mesmo ano os consumidores perceberam que era praticamente impossível encontrar um Tiida nas concessionárias. Poucas unidades foram vendidas efetivamente a partir do ano de 2013, sendo que a maioria que ainda podia ser encontrada era a versão de entrada, denominada S, e que vinha com o seu câmbio manual.

Ordenar resultados

Acesse sua conta

Vá mais rápido usando sua rede social favorita:

    Usar o Google+


Ou acesse com seu e-mail:


Não tem cadastro? Crie uma Conta gratuitamente


Lojistas e Concessionários, acesse Central do Revendedor