Renault Fluence a venda

Renault Fluence 2.0 16V Dynamique (Aut) (Flex)
  • 2013/2014 •
  • 54.000 km
  • • Prata
R$ 39.900
Marcos
Rio de Janeiro (RJ)
Renault Fluence 2.0 16V Dynamique (Aut) (Flex)
  • 2014/2015 •
  • 53.210 km
  • • Vermelho
R$ 50.000
Beth
Rio de Janeiro (RJ)
Renault Fluence Dynamique 2.0 16V HI-Flex
  • 2015/2016 •
  • 51.223 km
  • • Prata
R$ 58.800
Curitiba (PR)
R$ 38.900
Cascavel (PR)
Renault Fluence 2.0 16V Dynamique (Aut) (Flex)
  • 2013/2014 •
  • 55 km
  • • Prata
R$ 46.800
Marechal Cândido Rondon (PR)
Renault Fluence 2.0 16V Dynamique (Aut) (Flex)
  • 2012/2013 •
  • 102.804 km
  • • Preto
R$ 39.990
Ronan
Brasília (DF)
R$ 49.900
Cascavel (PR)
Renault Fluence 2.0 16V Dynamique (Aut) (Flex)
  • 2015/2016 •
  • 32 km
  • • Prata
R$ 58.900
Belo Horizonte (MG)
Renault Fluence 2.0 16V Dynamique (Aut) (Flex)
  • 2015/2016 •
  • 38 km
  • • Prata
R$ 58.990
São Luís (MA)
R$ 32.000
André
Brasília (DF)
R$ 37.900
São João (Laranjeiras do Sul) (PR)
R$ 42.800
Cascavel (PR)

Renault Fluence novo ou usado

O Fluence foi um modelo lançado pela Renault dentro do segmento de sedans médios, apresentado originalmente no ano de 2009 e que começou a sua trajetória comercial no Brasil a partir do ano seguinte. O modelo foi lançado em diversas versões diferentes.

Argentino

Apesar de ter sido um modelo que conseguiu encontrar um relativo espaço no mercado dos sedans brasileiros, o carro nunca chegou a ser fabricado no Brasil. A montadora optou por levara produção deste sedan para o país vizinho, a Argentina.

O Fluence chegou ao Brasil para conseguir ocupar o caminho que ficou libre com o final das vendas do Mégane em território nacional. Na ocasião diversos detalhes chamaram a atenção tanto da imprensa especializada quanto dos consumidores, sendo que o design do Fluence acabou se tornando um ponto positivo.

O desenho do carro seguiu basicamente a identidade visual que estava sendo adotada pela Renault em praticamente todos os seus lançamentos globais na época.

Versões

Dentre as opções lançadas pela Renault para o Fluence estavam as versões Expression 1.6 16v (115 cv, manual de 5 marchas), Dynamique 2.0 16v (143cv, câmbio manual de 6 marchas ou CVT), Privilège 2.0 16v (CVT), GT Line 2.0 16v (CVT) e GT 2.0 Turbo (180 cv, manual de 6 marchas).

Novas versões

O carro contou com alguns novos lançamentos antes de ter a sua produção devidamente encerrada. No ano de 2014, por exemplo, o Fluence ganhou uma versão GT Line, que trazia um carro mais esportivo do que os modelos anteriores. Já no ano de 2015 todas as versões passaram por uma reformulação visual, para que o carro continuasse seguindo o que estava sendo feito no resto do planeta em relação aos novos modelos da montadora francesa.

Dentre os principais itens que eram oferecidos no Fluence estavam ar condicionado digital de 2 zonas, piloto automático e faróis com sensor crepuscular. Assim como acontecia com grande parte dos modelos lançados pela Renault, o carro conseguia atingir um bom custo-benefício, o que chamava a atenção do público inicialmente. Mas os custos de manutenção no médio prazo deixavam a desejar.

Fim da linha

No final do ano de 2017 a Renault confirmou que o Fluence sairia de linha no mercado brasileiro. Não foi apenas o modelo que seria descontinuado, mas a empresa também confirmou que não iria mais atuar no segmento de sedans médios no mercado brasileiro, alegando principalmente a grande quantidade de concorrentes.

Ordenar resultados

Acesse sua conta

Vá mais rápido usando sua rede social favorita:

    Usar o Google+


Ou acesse com seu e-mail:


Não tem cadastro? Crie uma Conta gratuitamente


Lojistas e Concessionários, acesse Central do Revendedor